hp

A Electronic Frontier Foundation, entidade norte-americana que protege direitos de liberdade de expressão, pediu que a HP Inc. permita que seus clientes usem cartuchos de tinta de terceiros em suas impressoras Office Jet. A instituição também está incitando consumidores a assinar uma petição sobre o tema, que até o momento, segundo informações do TechCrunch, soma 7,5 mil assinaturas.

Em carta aberta ao presidente e CEO da HP Inc., Dion Weisler, o ativista Cory Doctorow pede que a empresa se desculpe com seus clientes e inclua a funcionalidade original em suas impressoras. A HP Inc, teria, segundo informações da publicação, conscientemente ativado o DRM da impressora sob o disfarce de uma atualização de segurança, ao mesmo tempo removendo recursos de suas impressoras e violando a confiança de seus clientes.

A atualização foi realizada na última semana para a linha Office Jet e apontada pela empresa como atualização de segurança. No entanto, após a instalação, usuários rapidamente descobriram que a impressora não mais trabalhava com cartuchos de terceiros ou reciclados. Logo depois, a HP soltou comunicado informando que o objetivo da atualização era proteger as inovações da empresa e propriedade intelectual.

Anúncios